O SBT está festejando, The Noite foi o programa fora da Globo que mais ficou em 1º lugar

O SBT está festejando, e com razão, o sucesso do seu talk show de fim de noite. Excluindo as atrações da Globo, o "The Noite" foi o programa que ficou em primeiro lugar por mais tempo em abril. Em São Paulo, Danilo Gentili garantiu 11 horas e 28 minutos de liderança à emissora de
Silvio Santos no mês.
Na média geral de abril, o "The Noite" registrou 4,7 pontos, ficando em segundo lugar com larga vantagem sobre a Record, terceiro lugar, que marcou média de 1,8 ponto na comparação.
Das 22 vezes em que foi ao ar no mês, o "The Noite" ficou em primeiro lugar, à frente da Globo, em 13 ocasiões. O concorrente direto do talk show, o "Conversa com Bial", estreou sua nova temporada em 9 de abril. E, desde então, perdeu várias vezes para o SBT.
Muitas das vitórias do talk show de Gentili sobre o de Bial são resultado da escolha dos entrevistados. A pauta do programa do SBT é, com certa frequência, mais popular do que o da Globo.
Na sua estreia, em 2019, por exemplo, Bial trouxe o ministro da Justiça, Sérgio Moro, e
teve menos audiência que Gentili, que entrevistou a cantora Lexa. Outras derrotas da Globo ocorreram em "confrontos" que expressam as diferentes propostas dos programas. Por exemplo: Olavo de Carvalho contra Sérgio Reis (10/4), Jean Wyllys contra Theo Becker (11/4), Nilton Claudino, um fotógrafo torturado pela milícia, contra Luisa Marilac (16/4).
No PNT (Painel Nacional de Televisão), que reúne a audiência de 15 grandes centros urbanos, o "The Noite" registrou média de 4,1 pontos em abril, e ficou em segundo lugar com mais que o dobro de audiência que a Record (1,7 de média).
No Rio, o segundo maior mercado do país, o talk show do SBT também ocupou a vice-liderança com folga, registrando média de 4,8 pontos contra 1,7 da Record.

Nenhum comentário